Estilo manifesto

Antes de mais nada, para que não me acusem de ser fútil ou de tirar onda com a desgraça alheia, vou deixar claro de cara que estou do lado de cada um dos centenas de milhares de manifestantes que tomam as ruas do Egito exigindo a saída de Hosni Mubarak. Estou do lado deles pelo simples fato de que odeio ditadores e odeio pessoas que permanecem décadas no poder. Odeio regimes autoritários e odeio, principalmente, regimes autoritários que limitam as liberdades individuais. Se tem uma bandeira que eu defendo nesta minha vida inútil, ela é a das liberdades individuais, especialmente, e acima de todas, a liberdade de expressão. Além disso, adoro uma confusão também. Então é isso, juntou a galera e começou a baderna, conta comigo.

Dito isso, aqui começa este post pra valer: é que me intriga, muito, sempre que vejo fotos de protestos, o quanto os manifestantes são estilosos. O quanto, volta e meia, no meio das cenas de violência, aparecem umas figuras elegantes, charmosas… às vezes, são uns gato-tôs mesmo… Acho que rola um efeito palco. Aquela coisa do cara que é mais ou menos, mas quando está ali, fazendo algo de que gosta, no centro das atenções, de repente vira um galã. Isso acontece muito com músicos em geral, DJs inclusive. Acontece com atletas também. Por que, então, não haveria de acontecer com manifestantes!

Esses dias estava escolhendo fotos da manifestação do Egito no fechamento quando me deparei com esta imagem:

Esta linda foto, cheia de movimento, é de Khalil Hamra, para a Associated Press. Como este blog não tem fins lucrativos, eu tenho certeza de que Khalil vai levar na boa

Agora preste atenção na figura que está em primeiro plano. É muito estilo. Repare no gestual primeiro. Depois a composição do look. Calça básica, blusa de abelha e um lenço meio palestino-minimalista, provavelmente estampados com palavras de ordem (é o que eu pude concluir depois de muito observar essa imagem). Esse cara provavelmente não está nem aí para estilo a uma altura dessas. E provavelmente nem pensou nisso quando se vestiu assim. Me parece, não sei, mas tenho a impressão de que esse cara está bem pouco interessado em estilo. No entanto, ele não faria feio nas páginas do Sartorialist.

Por outro lado, é possível que se ele estivesse em uma foto dentro de um shopping ou em uma fila de votação ou em uma matéria de trânsito ou qualquer coisa dessas, passaria batidão…

E falando em batidão, repare agora na figura da esquerda e tente adivinhar: qual hit do axé ou funk ela está dançando? Eu voto em:

Cadê?
Tutacamom
Hei Gize!
Akhaenaton
Hei Gize!

Tutacamom
Hei Gize!
Akhaenaton…

Eu falei Faraó
Êeeeeh Faraó!
É!

Eu clamo Olodum Pelourinho
Êeeeeh Faraó!
É!
Pirâmide da paz e do Egito
Êeeeeh Faraó!
É!
Eu clamo Olodum Pelourinho
Êeeeeh Faraó!

Mas aceito sugestões.

2.614 caracteres com espaço

Anúncios

3 Respostas para “Estilo manifesto

  1. “Tamo junto, companheira!”. Reparando nos bofes-manifestantes ( e d tudo q eh ‘tipo’) since… qando eu brincava d salada mista?., huhuh

    Beijo

  2. Magda Cristina

    Vida inútil!!!kkkk,vc me faz rir profª!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s