Enquanto podemos rir

Vamos aproveitar enquanto ainda dá para rir dos portuguinhas.
“Quero ser imigrante cá em Coimbra, para poder dormir na minha cama”
Ô, Bruno! Sete a zero é sacanagem. Bruno, Bruno, Bruno…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s